A experiência do Miguel na Sérvia

Este foi o meu primeiro campo de voluntariado internacional. Decidi então ir 2 semanas para uma vila chamada Sremski Karlovci no meio da Sérvia, e este foi um país que me surpreendeu muitíssimo.

A nossa tarefa principal consistia em cortar e apanhar troncos e ramos do Parque Natural Kovilj–Petrovaradin de forma a limpar a área e criar caminhos pedestres. Tudo isto com o objetivo final de desenvolver a oferta de ecoturismo de Sremski Karlovci. sem dúvida, um trabalho desafiante também devido ao facto de a hora para acordar ser todos os dias às 5.30h.

Ficámos alojados no Ecocentro da vila com outro campo de voluntariado internacional, o que originou uma troca de culturas e ideias ainda mais diversificada. Ao todo estavam 10 nacionalidades representadas! Em vários temas de conversa era fácil identificar os diferentes ideias e pontos de vista de cada cultura e o saber discutir e aceitar estas diferenças é algo de muito positivo que trago destas semanas.

Almoçávamos sempre num restaurante da vila, e posso dizer que a comida sérvia é bem saborosa e só à base de carne, e ao jantar era atribuída a tarefa a alguns voluntários de o preparem, tal como acontecia com a limpeza do Ecocentro.

E este foi um campo de voluntariado muito completo, pelo que, além de vários jogos que fazíamos todos os dias, nos ofereceram vários Workshops sobre Desenvolvimento Sustentável e a fauna e flora da área, uma visita à cidade de Novi Sad, praia numa ilha no meio do rio Danúbio e até uma prova de vinhos da região!

No final organizámos algumas atividades de forma a dar a conhecer o nosso projeto aos cidadãos de Sremski, e nesta imagem estávamos a andar pela vila a chamar todas as pessoas que víssemos. No quadro está escrito “Juntem-se a nós no Jardim de vila!”.

Foi, seguramente, uma experiência que não vou esquecer e que superou todas as expectativas que tinha!