A experiência da Marta na Alemanha

Life-changing é o que define esta experiência. Neste campo de voluntariado em Berlim explorámos com especial enfoque os campos de trabalho forçado, uma realidade que muitos desconhecem, já que os campos de concentração são muitas vezes os únicos a ser abordados. O projeto foi desenvolvimento num antigo campo de trabalho forçado, que hoje está transformado num espaço documental/ memorial, com exposições sobre a vida no mesmo, biografias de pessoas que por lá passaram etc. Acompanhados de uma historiadora, percorremos dezenas de lugares associados a toda esta questão, em diferentes pontos da cidade, lemos biografias, visualizamos documentários da temática, tiramos fotografias nos diferentes locais e acima de tudo: debatemos. O debate foi parte essencial, havendo sempre lugar para conhecer e compreender novas perspectivas. Em conjunto com uma fotógrafa profissional, tivemos vários workshops de fotografia, que nos permitiram aperfeiçoar as nossas técnicas e no final do campo, criar uma exposição com as nossas melhores fotografias e reflexões sobre esta temática.

Este não foi o meu primeiro projeto de voluntariado, e não será definitivamente o último, mas foi tremendamente especial. Foi o primeiro na Europa e o primeiro com pessoas de diferentes nacionalidades. Só a convivência com pessoas com backgrounds culturais tão díspares é absolutamente enriquecedora. Todos os dias foram feitos de aprendizagens novas, de partilhas de conhecimento e de novas descobertas. Todos os dias trouxeram novos desafios, novas realidades e abordagens com que nunca me havia deparado. 

Para terminar em beleza partilhei o meu aniversario com um grupo incrível de novos amigos que me cantaram os parabéns em 8 línguas diferentes!