A experiência da Helena na Croácia

Kuterevo foi uma experiência mais do que fantástica. Qualquer coisa de outra dimensão. Sinto-me abençoada por ter feito parte do projecto ‘Bear the Peace 2’ com o grupo de pessoas incríveis. Um grupo que se uniu com o propósito de arte e terminou com a lágrima no canto do olho pela indescritível conexão entre todos. Objectivos atingidos. Almas cheias. Cada um de nós uma estrela, todos unidos, uma constelação. Mais uma num céu cheio de cor, em prol da paz.

 

Estar lá representa reduzir o ritmo cardíaco. Aceitar com paciência o ritmo natural das coisas e as exigências de uma vivência em comunidade. ‘Back to basics’ faz sentido na hora que nivelamos a frequência e começamos a fluir nas bases de uma existência sustentável. As dinâmicas são simples, numa organização em que cada um sabe o seu papel e o seu lugar. Há respeito. Nada seria sem isto. Apesar da anarquia aparente, cada espaço individual é respeitado, existe liberdade mas cada um sabe os limites. fronteiras imateriais que só nos fazem perceber o conforto que a paz nos dá.

Tenho nas mãos restos de tinta e no coração todas as experiências que vivi e pessoas que conheci. Levo comigo ‘the Kuterevo Spirit’.

‘Make the peace. Find the peace.’